• Vinho A. Mare Rosato Puglia

Vinho A. Mare Rosato Puglia

  • Marca: Terra Rossa
  • Modelo: WW024031
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$79,00


  • Compre 3 ou mais, pague R$69,00 por produto

Simulador de Frete

Mais sobre o Vinho A. Mare Rosato Puglia

  • PRODUTOR - Terra Rossa, A região da Puglia é uma das responsáveis na disseminação da cultura do vinho em toda a Europa, sendo a porta de entrada também para o restante da Itália. Historicamente produz vinhos a mais de 2 mil anos, mas só ganhou notoriedade internacional em 1974 com a criação da DOC Primitivo di Manduria. Após milhares de anos, seu solo ainda apresenta fragmentos da erosão vulcânica e é riquíssimo em óxido de ferro, oferecendo tipicidade e retratando o que há de melhor na denominação de origem, por isso, a marca carrega em seu nome e de seu vinho ícone a “terra vermelha” da Puglia.
  • TIPO DE UVA Vinho A. Mare Bombino Nero
  • REGIÃO PRODUTORA   - Puglia
  • PAÍS  - Italia
  • SAFRA  - 2018
  • VOLUME   750ml
  • DEGUSTAÇÃO - Vinho A. Mare Frutas vermelhas frescas, como morangos e framboesas, frutas de caroço, como pêssegos, frutas cítricas, como tangerinas, além de notas florais, como rosas e violetas. Leve, com boa acidez e delicadeza. Seu final é marcado por frutas vermelhas frescas, notas de pêssegos e cítricos doces, além de toques florais
  • AMADURECIMENTO - Vinho A. Mare Sem estágio em carvalho

Outras informações do Vinho A. Mare Rosato Puglia

  • DESTAQUE Vinho A. Mare 
  • ACOMPANHAMENTO -  Antepastos, entradas leves, como saladas, carpaccio, cozinha japonesa, como sushi e sashimi, pescados e frutos do mar, além de queijos de massa mole, como os de cabra.
  • INFORMAÇÕES - Vinho A. Mare A.Mare enaltece a cidade litorânea de Polignano a Mare, que atualmente é uma das rotas turísticas mais conhecidas e antigas da província de Bari, na Puglia. Rosé floral, é elaborado a partir da delicada Bombino Nero proveniente de vinhas da região de Castel del Monte, lar dos vinhos de altitude da Puglia. Destaque para seu ótimo equilíbrio e frescor.

Escreva um comentário

Você deve acessar ou cadastrar-se para comentar.